Perda da força muscular – Síndrome de Guillain Barré – Neuropatia Rara – Fraqueza e Debilidade Física

fraqueza muscular - sindrome de guillain barre

fraqueza muscular - sindrome de guillain barre

Esta síndrome acomete pacientes de todas as idades e se caracteriza por afetar indivíduos previamente saudáveis.

 

 

 

Esta síndrome consiste numa neuropatia rara imune-mediada e inclui polineuropatia desmielinizante inflamatória aguda, neuropatia axonal motora aguda, neuropatia axonal motora e sensorial aguda e características da síndrome de Miller Fischer.

 

A doença é caracterizada por um rápido início de debilidade física simétricos que progride ao longo do dia e em até 4 semanas e ocorre em pacientes de todas as idades.

 

A maioria dos pacientes que desenvolvem essa síndrome também têm distúrbios sensoriais como formigamentos e transtornos de sentimentos e aborrecimento. 

 

Na maioria dos casos o desencadeamento da síndrome acontece por uma doença infecciosa, principalmente infecção por Campilobacteria, provocando fraqueza física.

 

Devido à progressão da fraqueza, cerca de 25% dos pacientes apresentam necessidade de ventilação artificial durante algum tempo. 

 

Com o desenvovimento do tratamento, a força muscular e melhora distúrbios sensoriais diminuem.

 

Muitos doentes com essa síndrome permanecem desabilitados por meses ou mesmo anos. A fadiga e a resistência à intolerância podem persistir durante anos.

 

Veja mais sobre síndromes e doenças raras acessando essa categoria ou os ícones deste post

 

44 responses so far

  • celso francisco de souza says:

    bem,sou portador de uma miopatia muscular,eu e meu irmão mais novo,a quase 9 anos comecei a sentir a coluna e depois a perna direita e depois a perna esquerda,e agora tudo os braços e as pernas,ando com muito sacrificio,se cair,não dou conta de se levantar sozinho,se tem obstaculos como rampa,meio fio nossa corto volta ,isso esta sendo muito dificil hoje sou casado e tenho dois filhos e o meu sonho é andar de bicicleta com eles.

    • Rodolfo says:

      Olá Celso, acabei de ler o comentário. Não sei como vc esta, mas gostaria de compartilhar com vc e também com o demais acerca da Fé Cristã. Eu creio em Milagre independendo do que outros pensam o contrário. Colega, nessa terra vivemos momentos de aflição. Creia em Deus e tambem em Cristo (João 14). Gostaria que vc acessasse IMPD.com.br ouça a programação e a fé virá por ouvir.
      Peço que não endureça o coração.

  • oseias says:

    querro saber se existem remedio para essa doença, e como e o diagnostico dela.

  • JAIROBRAS says:

    Tambem tenho lutado nos utlimos meses com uma perda gradativa e veloz na perna esquerda. Nos ultimos meses tenho feito de tudo para não travar. Continuo na fisioterapia, faço academia tres vezes por emana, sempre reforçando a perna esquerda. Subir escadas já é um transtorno. Perco facilmente o equilibrio em locais de acesso mais complicado. Sinto ao levantar pela manhã uma pressão na coluna. Parece que há um bicho roendo a medula, não sei explicar. Dou aulas e trabalho com consultorias. Não sei como vai ser meu futuro, pois tnho atividades muito intensas e que agora começam a se tornar dificeis para mim. O pior de tudo é voce não saber pra quem pedir socorro. Se alguem souber de algo a respeito dessa doença, preciso de ajuda. Se eu souber de alguma coisa, vou compartilhar com voces.

    • Márcia says:

      Jairo, tem um médico em São Paulo, que se chama Dr. Francisco na Clinica Ortonibra no Jardim da Saúde em São Paulo- SP. Nos informaram que ele é especialista nisso é neuro ortopedista. Meu e-mail é gu_mamarcia@yahoo.com.br posso te passar o telefone….Espero poder te ajudar, abraços fique à vontade para mandar um e-mail.

    • monik says:

      O meu namorado está passando por isso e gostaria de saber se voce ja se curou e como foi?

  • Bianca says:

    Meu sogro foi diagnosticado com neuropatia motora autoimune axonal. Segundo o medico, o corpo esta com alguma infecçao e produz anticorpos contra o proprio sistema nervoso.
    O tratamento consiste numa internaçao de 5 dias tomando ampolas de imunoglobulina humana e solumedrol (nao sei se os nomes estao certos pois nao estou entendendo a letra do medico direito). Essa internaçao deve ocorrer de 45 em 45 dias.
    Ele começou a andar torto por causa das costas. Foi em diversos medicos, fez punçao da medula, ressonancia magnetica e descobriu isso.
    Na sei se pude ajudar mto, mas… espero que sim!

  • José Marcos says:

    Olá!
    Tenho uma amiga que tem este problema na perna esquerda,
    sente muitas dores, vai ao médico somente uma vez ao ano, pelo SUS
    gostaria de saber se há cura
    e qual o tratamento mais adequado?
    Desde já grato!

  • Erica vilela says:

    Descobri que tenho essa doença,gotaria de saber se tem cura ,quanto tempo leva para a recuperação?não teno firmesas nas pernas estou com problema respiratorios,retimia cardiaca,visão turva,sinto tanbem os nervos repuxando como se fosse caibra.

  • Raquel says:

    Sofro dessa doença sinto muita dores principalmente na coluna, não tenho muita força nas mãos.

  • wanda says:

    Gostaria de saber o que tenho. Já fui há muitos médicos e todos dizem que tenho uma neuropatia inespecífica. Fiz duas punções medulares, ressonancia da coluna toda, do cérebro, dos joelhos dos pés, Cheguei até a fazer um exame chamado Pet CT. Já fiz pulsoterapia, aplicação de imunoglobulina, tomei muita cortisona, mas o fato é que tenho dos quadris para baixo ambas as pernas dormentes, ânus, e aparelho genital, tudo dormente durante 24 horas por dia. Ando com dificuldade, já tive que andar com muletas, agora estou andando sem. No início deste ano comecei a cair e quando caia não conseguia me levantar sozinha. Tive de parar de dirigir e agora dependo dos outros. Enfim, não sei o que tenho. Poderiam me ajudar?

    • Jackie Virgens says:

      Oi Wanda, espero que esteja bem e com saúde. Me dirijo a vc pois o meu caso é semelhante ao seu, há 40 dias comecei com dormência simétrica nas pernas e chegou a atingir as coxas, redução de força nos braços e alguns espasmos musculares; já fiz punção, ressonâncias de lombar e crânio, eletroneuromiografia. E todos deram negativos. A única coisa que tenho são os sintomas. O meu neuro disse que tenho uma “Neuropatia Inespecífica”.
      Queria muito saber como evoluiu o seu quadro.
      Caso, mais alguém possa me ajudar, agradeço muito!!!
      Jackie

  • LUIS HENRIQUE says:

    TENHO 44 ANOS , sou advogado e professor universitário. E A CERCA DE UM ANO, TIVE UM SINTOMA SÚBITO DESTA SINDROME (SEM SABER O QUE ERA), PERDENDO A SENSIBILIDADE NAS EXTREMIDADES DOS DEDOS DAS MÃOS E DOS PÉS (NESTES, TAMBÉM A SENSIBILIDADE DA PLANTA), QUANDO ESTAVA DIRIGINDO. O QUE FICOU PARA MIM É A SENSAÇÃO QUE TENHO O “SUPERBONDER” NA PELE, NESTES LOCAIS, PERDI PARCIALMENTE A SENSIBILOIDADE. JÁ FIZ TODOS OS EXAMES , PASSEI POR ESPECIALISTAS EM NEUROLOGIA MAS O QUE TODOS ME INFORMAM É QUE A DOENÇA É INCURÁVEL, TENHO QUE CUIDAR E MONITORAR SEMPRE. ESTOU TOMANDO MEDICAÇÃO, SEI QUE, PELOS RELATOS JÁ OBTIDOS, O MEU CASO NÃO É DOS PIORES, MAS CRIA LIMITAÇÕES AO EXERCER ATIVIDADES FÍSICAS E GERA UM CANSAÇO SEM PRECEDENTES AO FINAL DO DIA, PRINCIPALMENTE NAS PERNAS E MÃOS. ESTOU TRATANDO COM MEDICAMENTO, MAS BUSQUEI ALGUMAS ALTERNATIVAS: PILATES, ACUPUNTURA E SHIATSU. ME ORIENTARAM TAMBÉM O REIKI. JÁ QUE É UMA DOENÇA QUE ATINGE OS NERVOS, CREIO QUE A MUDANÇA DE VIDA SERÁ IMPRESCINDÍVEL. BUSQUEM FORTALECER A SUA FÉ TAMBÉM. ISTO VAI AJUDAR A SUPERAR AS DIFICULDADES QUE A DOENÇA TROUXER. OBRIGADO POR PODER PARTILHAR A MINHA EXPERIÊNCIA. ATÉ BREVE.

  • Maria Gracia says:

    Vou responder para raquel, a #7, a falta de força nas mãos podería ser o síndrome do túnel do carpo.
    O seu va acompahado de durmencia nas mãos, nos braços?, se for assim, digita no google o nome deste síndrome e informese.

  • Julio Cesar says:

    Nos últimos dois anos comecei a perder o movimento da perna esquerda. Andando pela Cidade tropeço do nada e caio com facilidade. Não consigo correr e até caminhar está sendo uma tarefa árdua. Sinto um formigamento horroroso nesta perna. Atualmente estou tratando com fisioterapia (condução elétrica/gelo/calor), alongamentos e exercícios de fortalecimento da perna. Espero em Deus que esse problema seja solucionado.

  • Sofri uma crise onde fiquei tetraplegica, não mexia do pescoço pra baixo… internada, havia feito tudo que era exm e ninguem sabia o q eu tinha… diagnosticaram como SGB.

    Porem, apos sair do hospital, fiz acompanhamento com uma medica / neuro, que pediu mais exms e chegou até o diagnostico correto. O interesse é um grande detalhe em certas profissões!

    A doença se chama PORFIRIA AGUDA INTERMITENTE, ela possue sintomas mto parecido com de outra doenças, (assim como a perda dos movimentos da SGB) fazendo o diagnostico extremamente dificil.

    Após essa experiencia, acho mto valido que se faça exame para saber se é Porfiria, qdo diagnosticado SGB (é um exame de urina 24hs – chamado dosagem de porfobilinogenio), pq o medicamento para o meu caso é mto especifico, e eu além de não tem tomado o medicamento necessario, que fez atrazar minha melhora, acabei tomando imuno-globulina humana desnecessariamente!

    Aos portadores de SGB, pesquisem e se informe sobre a Porfiria tb:

    http://porfiria.org.br/
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Porfiria_aguda_intermitente
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Porfiria

    Abraços!

  • Dorival says:

    OLA…. Tenho 63 anos e tive a Sindrome de Guillian Barre a 18meses atraz (ainda hoje ando de muletas e tenho dificuldades para abaixar e levantar…) o meu caso fora Neuropatia Axonal Motora Autoimune (NOMA), que afetou severamente as pernas , principalemente a direita…. Fiz tratamento inicial a base de imonoglobulina e depois (a um ano atraz ) mudei para cortisteroides, … Fiquei 6 meses de cadeira de rodas, depois andadores, depois muletas… ate hoje, ) tenho melhorado, mas ainda falta muito para eu voltar a vida normal que tinha,,,, Faço 3 sessoes de fisioterapias diaria, para ganhar a musculatura e a enervaçao perdida…
    Digo a todos que tem que se ter muita fe, perseverança e força de vontade, para a recuperaçao….. abraços

  • Sandra says:

    Olá!
    Tenho 22 anos, e desde que nasce tenho perda de forças nos braços e nas mãos, não consigo levantar os braços muito alto, e tbm as vezes não consigo abrir as mãos para dar tchau. Nossa é muito dificil para me conviver assim.

  • anderson says:

    tenho 26 anos, faz un seis meses que to com essa doença não consigo levantar a perna e nen caminhar maisss to andando arastando fiz exame da coluna e do nervo e não deu nada alguen posa a me ajudar desde ja agradeço.

  • claudia says:

    tenho um cisto sinovial na mão e medicos ja me disseram que não doi. só que eu sinto dores e perda da força na mão esquerda, e na direita sinto sem força na metade dela pegando do polegar ao indicador. gostaria de uma reposta.preciso de ajuda. tenho medo que desenvolva algum problema maior.

  • Fabio says:

    Olá,

    Minha avó vem perdendo as forças nas pernas gradativamente ao longo de 14 anos. Hoje ela não consegue andar. A “paralisia” e falta de sensibilidade já esta chegando no meio do tronco. Ela sente as pernas queimarem a parece que tem “superbonder” colada à pela que impede uma sensibilidade total, como relatado acima. Nós temos uma avalanche de exames e nenhum médico achou problema nenhum.

    Logo, eu estou começando a procurar por minha conta, mesmo sabendo que isso não é bem certo.

    Bom, a única coisa nos exames dela de diferente é o fator reumatóide, que pode indicar que é uma doença auto-imune. Os sintomas batem com a Síndrome de Guillain Barré, ou seja, auto-imune, perda de sensibilidade e força nos membros inferiores e perda ascendente. Contudo, não foi tão agressiva como os relatos da doença, ou seja, 4 semanas, e progride lentamente durante esses 14 anos.

    Vi que nessa pagina as pessoas acometidas com a doença se solidarizam e compartilham suas histórias. Alguém sabe de algum caso que a progressão dessa doença foi lenta, como acontece na minha vó.

    Ao mesmo tempo, irei levar essas suspeitas ao médico neurologista para investigarmos juntos.

    Obrigado desde já

  • izabel says:

    Bom dia a todos

    li todos os depoimentos, e digo a todos a não perder a fé
    também de uma hora para outra perdi a força de minha perna direita e estou andando de muleta meus pés parece que tem super bonder.
    fiz exame e deu lesão cronica na coluna lombo sacra, meu remédio é fazer caminhada, fisioterapia e alongamento. Hoje pode-se usar celulas tronco mas só se não for cronico, tenho 46 anos e minha fé é muito grande agredito que do mesmo jeito que veio ela vai.

  • Alessandra Rocha Nonato says:

    Boa tarde.
    TEnho uma aluna com Guillan BArré preciso saber se ela pode praticar musculação ou qualquer outra atividade física. Se alguém tiver alguma resposta por favor. Agradeço desde já.

  • Boa tarde
    Meu filho em 2009, com (30 anos), teve a sindrome de Guilan Barre, foram os 04 meses mais terriveis ja vivídos, nos dia de hoje ele melhorou, mas tem algumas sequelas, tipo falta de ar diáriamente, na perna esquerda qdo faz a eletroneurografia, ainda acusa polineuropatia de padrão axonal, nessa mesma perna sente fibrulação nos musculos da panturrilha e cocha, é bastante visivel, até parece o risco de um raio, tem dia que sente mais cansaço, ele faz exercícios aeróbicos, e musculação diáriamente, mas sente a perna esquerda um pouco mais adormecida, necessitando maior pressão nos movimentos ao qual acaba gerando dor, embora não toma medicação pois sente mais dor qdo faz uso de analgésicos. Ele faz acompanhamento no (HC) Hospital de Ribeirão Preto – SP. mas ainda não conseguiram nos dar uma resposta mediate ao quadro que se encontra.
    Necessito saber se esse quadro ira desaparecer, pois faz 03 anos e sempre surge um epsódio novo na saúde de meu filho. obrigada.

  • dunga says:

    OI,tenho 35anos;sou dabetica;e derepente amanheci com formigamentos nas pernas e nas costas fui ao medico imediatamente ;eem minutos parei de andar.ISSOeu fiquei dois meses na cama só movendo a cabeça ;ja fiz tumografia ,exames desangue de urina ;etc.. HOJE eu voltei a andar por DEUS; mas os sintomas de dormencia nas pernas ;braços e tronco continuam,eu ja nâo tenho equilibrio ,nem coloco sapatos com saltos pequenos ;eu preciso de ajuda pois isso me deixa muito depressiva,e nervosa;JA passou 1 ano e isso me impede de trabalhar e fazer muitas coisas que eu fazia antes DEUS è meu unico amigo fique com ele tambem…….

  • carlos alberto says:

    tenho 44 anos ,a dois anos atras comecei a sentir dormencia nas pernas e formigamentos nas pontas dos dedos, fiz exames de eletroneoromiografia dos menbros e foi constatado assim ,conclusao ENMG evidenciando grave neoropatia axonal e desmielinizantedo nervo fibular comum esquerdo, cinto dormencia da cintura para boixo , ja fiz um monte de sxames nao consigo achar o problema, no meu desespero tentei suissidio no ano passado , tenho dificuldades para manter relaçao,nao durmo direito nao me alimento esta muito dificil, me separei recentemente e complicou mais ainda ,sou motorista de caminhao nao posso mais dirigir recebo beneficio do INSS mais nao dar pra nada ,pago aluguel pago pensao tenho dois filhos adolecntes comigo ,gostaria de saber se nao consigo uma aposentadoria para que eu possa me preocupar apenas en me tratar,nao tenho cabeça para aprender outra funçao ,fico 24 hrs penssando numa possivel cura, se existir alguen que possa me ajudar ,agradeço,a pior coisa na vida e doença.

  • Samuel says:

    Sempre que posso estou a procura de informações sobre essa sindrome GB, lí todos os depoimentos atentamente tentando identificar qual o quadro parecido com o meu. Tenho 54 anos e já fazem 3 que venho tratando. Ontem mesmo entive com meu médico neuro em BH para mais uma avaliação e puchões de orelhas já que fiquei mais de um ano sem consultar. Prá ele estou numa fase ótima, melhor do que da última consulta embora tenha parado de tomar uma vitamina mensal de B12 injetável conforme tratamento já que meu organismo não absorve dos alimentos essa vitamina. Continuo com os mesmos sintonas, fraquesas nas pernas, dormencias,queimação, etc. A boa é que já estou mais independente e até dirigindo um pouco. Faço exercícios diariamente, alternando Hidro, Alongamentos na academia e agora Pilates. Tenho Fé em DEUS ainda vamos sair dessa . Como um amigo meu que teve tb anos atrás disse: um dia vc vai rir contando tudo que passou e sofreu com essa tal BG. aos filhos e amigos. Abraço pessoal.

  • mimnha filha tem 1 ano e 10 meses ,tem 3 meses que perdeu as forças nas pernas e nao anda mais,e tem 15 dias que ela perdeu a coordenaçao total da perninha direita ..o que pode ser isso meu deus ..
    a menina andava corria tudo derrepente parou de andar ..
    me ajudem..

  • preocupada says:

    Estou muito curiosa e preocupada pois tenho um conhecido e esta pessoa repentinamente sentiu estas fadigas, teve uma crise forte e inclusive tomou bolsas de sangue , mas ja anda normal. passou meses se recuperando ( a força muscular) andou com dificuldade e ainda hoje tem caibras, com exercicios fortalece a musculatura e anda normal. porem sente fraquesa vez por outra e receia uma nova crise. nenhum medico local (Petrolina-PE) descobriu a doença. pode ser síndrome de Miller Fischer? e como tratar.

  • adson castro says:

    Boa noite, minha esposa esta passando mal desde abril de 2012 estava com ardencia no estomago, levei ao medico e nao descobre o que ela tem, so passa medicamentos como Emeprazol, Bromoprida, e depois que ela começou a tomar esses medicamentos e que começou a ter dormençias desde junho ela esta sentindo as pernas e maos fracas como se estivesse dormentes e fica perdendo as forças e acaba caindo levo no medico colocam ela no soro e nao descobrem o que ela tem, isso pode ser Sídrome de Guillain Barré.

  • irley says:

    Meu pai tem 73 anos e repentinamente esta perdendo os movimentos das pernas esta fazendo fisioterapia existe algum medicamentos pra ajudar ele voltar os movimentos normais

  • francisco olimar de souza says:

    em 22 de desembro de 2012 comecei a perdas dos movimentos das mãos e das pernas., ia andando . caia, pedia aguda e continuava fis muito exercicio por conta propria, comecei a me recumpera,ja estou caminhando com mas facilidade, o meu problema maior é se eu me sentar p levantar preciso de ajuda mas ja estou melhorando. Sou catolico praticante grupo de cantores da igreja, mesmo debilitado estou presente cantando e louvando ao nosso deus, isso é que me dar forças para a minha recumperaçao, foi feito o exame de eletroreuromiografia, o resultado perdas de varios menbros. O medico me perguntou: Eu relatei tudo que estar neste depoimento, ele disse voce é um vencedor, não deichou se abater. Me deu mas força de viver e vemcer esta batalha. Eu estava fazendo o que era p fazer. Não existe remedio p essa sindrome, é muita fisoterapia e tomar vitaminas b 12. Irmãos não se deixe abater lute, lute,lute, em nome de deus que ele é o nosso salvador, só ele pode nos curar. Se precisar de uma oraçao envie o seu nome para o meu: olimarpelmar@hotmail.com ou deixe o seu telefone, e nome no hotmail. Que deus der a saude de todos. Cante: : Cura senhor onde doi, cura senhor bem aqui, cura senhor onde eu, nao posso ir: ( meu irmão fique deus)

  • Fabio says:

    Olá, bom dia.
    uns 45 dias atrás, durante um exercicio de supino, forcei o pescoço pra encaixar a barra no suporte que é um pouco alto e senti um estalo pouco abaixo do pescoço naquela “pá ” do lado direito.
    Nos dias seguintes, tive torcicolo e por conta da rotina do dia a dia fui deixando. tirei ferias do trabalho e fui ao medico e o mesmo me deu injeção e uns anti inflamatorios pra amenizar as dores. Fui em outro e tirei um raio x da coluna, que nao constou nenhum problema, porem este medico me enviou pra fisioterapia e solicitou um exame de eletroneuromiografia de msd.
    Hoje apos 5 sessoes de fisio sinto dor no ombro e no ante braço. Sinto falta de reflexos na mao direita e pouquissima força pra segurar ou levantar por exemplo uma garrafa de café. Nos primeiros dias da falta de força eu nem conseguia soltar o freio de mão do carro, mesmo nao sendo tao duro de soltar.
    estou afastado da academia desde a lesão.

  • edson says:

    ola minha mãe esta com alguns sintomas como ex; não consegue levantar os braços para pentear o cabelo, subir escada, emagreceu bastante, depressão ja fez varios exames os medicos não sabe falar o que ela tem por favor me de uma ajuda. obrigado

  • Olá tive uma veia da coluna entupida a mais ou menos 5 mês, diante isso perdi as forças da minha pernas da cintura pra baixo não sito a mesma coisa do que pra cima…
    Estou fazendo fisioterapia pouco a pouco estou sentindo melhor será que existe um remédio que ajude a eu voltar com as forças na pernas mais rápido ? obg..

  • luis says:

    bom dia !!!tenho 31 anos e passei a pouco por uma cirurgia e foi me receitado usar muletas essas que ficam debaixo das axilas troquei a da direita pra esquerda e sinti um formigamento nos braços….e perdi o controle dos movimentos do braço esquerdo que pode ser isso???

  • Zuleide Palheta Michelini says:

    Li todos os depoimentos e na maioria dos casos, com certeza trata-se de polineuropatia ou neuropatia e o tratamento é com injeção de vitamina B12 e acompanhamento médico sempre. Digo isso porque custei para descobrir o meu caso e quase deixei de andar. Procurem um neurologista competente que irão viver bem. Que Deus os abençoe

  • Bia says:

    Olá, tenho 20 anos e desde criança tenho essa perda de força na mão direita, não consigo escrever, nem segurar algum objeto. Nunca pensei que fosse alguma doença e que eu precisasse procurar um médico, aliás achava que ninguem mais sentia isso, mas vendo essa matéria e os comentários vou procurar um médico.

  • filipe says:

    Ola sou filipe tenho 12 anos e 1,70 de altura, quero muito ser jogador de futebol. Mas quando começo a correr sinto fraqueza nos musculos da perna queria saber se a glicose pode alterar isto i oque posso fazer

  • filipe says:

    ME AJUDE POR FAVOR

  • francisco olimar de souza says:

    imaos quero deixar, uma mensagen de fé e esperançao, para todos . ja tenho uma postagen bem air em cima do dia 11 de fevereiro, hoje é 8 de outubro varios meses ja se passaram que tive sindrome de guillian barré. Fiquei muito debilitado nao conseguido nem quase andar, muito magro, perdie acho que oitente por cento das minhas forças e movimentos, mas sempre tive a vontade de viver nao perdie as esperanças, e senhor deus me deu mas uma oportunidade, estou quase curado. ja levanto um galão de agua de 20 litros, ja ando com facilidade, obrigado a nosso sauvador jesus cristo ( o mesias) aminha fé é muito forte, sou membro da igreja e confio plenamente em deus, estou aqui me colocanto para orar pelos os irmaos. meu email é olimarpelmar@hotmail.com. Fiquem todos com deus…

  • ALISON says:

    OLÁ.tenho 32 anos e ha um ano percebi que perdi as forças nas mãos e nos braços,pois só agora me dei conta que é grave ,depois que li os depoimentos.
    ainda não sei se tem cura mas espero que sim ,e se esta passando por esse problema escreve por favor,desde já agradeço.

  • celio gonçalo says:

    OLÁ! ME CHAMO CÉLIO,SOU AQUI DE BRASÍLIA E VENHO PEDIR ALGUMA ORIENTAÇÃO EM RELAÇÃO A UM PROBLEMA COM MINHA SOBRINHA QUE PERDEU OS MOVIMENTOS DAS 2 PERNAS DERREPENTE, GOSTARIA DE VER QUAL ESPECIALISTA DEVO PROCURA, PRECISO DE UMA LUZ PARA PODER AJUDAR ELA, FICAREI AGUARDANDO.

  • francisco olimar de souza says:

    meu irmão procure um neurologista, e esteje sempre na paz do senhor se precizar de oraçao o meu email ( olimarpelmar@hotmail.com fiquem todos com deus…

Leave a Reply

Spam protection by WP Captcha-Free